Alimentação infantil: saiba o que é bom e ruim nessa fase

Alimentação infantil: saiba o que é bom e ruim nessa fase

Postado em:
Blog - Educação Infantil
- 30/04/2018 13:37:39

A alimentação dos filhos é uma grande e permanente preocupação dos pais, uma vez que todos desejam que as crianças cresçam cheias de saúde. Assim, é fundamental dar atenção a esse tema, desde o nascimento.

As boas práticas alimentares são formadas na infância, logo, a responsabilidade da boa nutrição é dos pais. Continue lendo esse post e saiba como incentivar os seus filhos a terem hábitos saudáveis.
 

Comer alimentos variados

A alimentação infantil é um desafio. Desde cedo, a criança deve ser acostumada a comer alimentos variados, pois, isso garante a quantidade de ferro e vitaminas necessários para manter uma boa saúde e crescimento adequados.

“Se dentro de casa a alimentação for pensada de forma estratégica, a criança terá mais consciência e maior autonomia para fazer as escolhas do que vai comer”, acredita Priscila Passos de Oliveira, Nutróloga da Nutrociência Assessoria em Nutrologia (SP).
 

Como oferecer os alimentos

Na alimentação infantil, os alimentos devem ser oferecidos separadamente, para que a criança aprenda a identificar as cores e sabores. Deve-se colocar as porções de cada alimento no prato, sem misturá-las, garantindo que estejam balanceadas, com todos os alimentos em quantidades certas.

Afinal, o corpo precisa de um pouco do que cada alimento pode oferecer, para evitar transtornos como a obesidade e anemia, tanto na adolescência como na idade adulta.
 

Boa alimentação

A alimentação saudável, além de proporcionar prazer, é a mais rica fonte da energia de que o corpo precisa para crescer, desenvolver e manter a saúde. Para tanto, é fundamental que as escolhas sejam as mais variadas possíveis e balanceadas, para que o organismo receba, de forma equilibrada, todos os tipos de nutrientes. (EUCLYDES, 2000).
 

Má alimentação

A má alimentação contribui para o surgimento de doenças crônico-degenerativas. Um estudo divulgado pela Universidade da Carolina do Norte (EUA) mostrou que, nos últimos 30 anos, as crianças aumentaram o consumo calórico em 179 calorias por dia.

E, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o excesso de peso em crianças e adolescentes já é, no país, um problema maior que o da desnutrição. A prevalência da obesidade infantojuvenil subiu 240%, em 20 anos.

Erros da alimentação

  • Obrigar a criança a comer mais do que o apetite dela permite;
  • Castigar a criança sem comida por conduta inadequada;
  • Permitir o consumo diário de doces e guloseimas;
  • Festejar oferecendo comida sem qualidade;
  • Apresentar cardápios à base de pratos pré-cozidos, congelados, com muita frequência;
  • Oferecer o peito logo que a criança chora, impedindo que ela compreenda que é importante ter a hora certa para comer.

 Acertos

Quando os pais dão aos seus filhos a devida atenção alimentar, as possibilidades que eles sofram com problemas de peso são menores. Uma vez que os adultos são os que controlam a comida das crianças, eles são, por consequência, totalmente responsáveis pela obesidade e/ou desnutrição infantil.

Acertam os pais que não descuidam desse assunto, acompanhando atentamente o desenvolvimento das crianças, proporcionando, sobretudo até os dois anos de idade, que elas tenham experimentado um pouco de tudo, ampliando o paladar e fortalecendo o vínculo com os alimentos nutritivos. 

Ajuda profissional

Procure ajuda profissional para adequar os alimentos à rotina da criança, levando em consideração hábitos, idade, atividades, história de doenças na família, peso, altura, etc. Procure preparar as refeições com ingredientes frescos e naturais, sempre que possível.

Além de muito líquido, ofereça uma alimentação variada em carnes, farinhas, verduras, legumes, frutas, etc. Fazendo assim, seu filho irá crescer saudável e bem educado no que se refere à alimentação.

Categorias

Fique informado!

+ Posts

Saiba quais são os tipos de ciúmes de irmão e como evitá-los
Saiba quais são os tipos de ciúmes de irmão e como evitá-los
Como identificar características da deficiência auditiva e da surdez
Como identificar características da deficiência auditiva e da surdez
Saiba como cuidar do umbigo do bebê recém-nascido
Saiba como cuidar do umbigo do bebê recém-nascido
6 dicas especiais  para grávidas de primeira viagem
6 dicas especiais para grávidas de primeira viagem
Criança estressada tem menor desempenho na escola. Entenda por que
Criança estressada tem menor desempenho na escola. Entenda por que