Separação com filhos causa danos irreversíveis. Entenda quais são

Separação com filhos causa danos irreversíveis. Entenda quais são

Postado em:
Blog - Educação Infantil
- 22/06/2018 11:18:59

Uma separação afeta a todos na família. É possível dizer que ninguém sai ganhando em uma separação. Quando uma família é desfeita, sonhos românticos são quebrados e laços afetivos são desfeitos para sempre.
 
Apesar disso, diante de brigas e indiferenças, a separação acaba sendo um alívio para o casal. Os mais prejudicados, no entanto, são os filhos. A separação em muitos casos gera abandono, problemas emocionais, distanciamento, dificuldades financeiras entre outros problemas. Acompanhe este post e conheça um pouco sobre os danos provocados por uma separação com filhos.
 

Relação entre pais e filhos

Quando pais e filhos dividem a mesma casa, cria-se uma rotina feita com os pequenos momentos. As brincadeiras, as rixas e o carinho cria no entorno da criança, um ambiente seguro e uma memória afetiva sólida.
 
Após o divórcio tudo muda. As crianças recebem menos apoio emocional e financeiro dos pais. Um estudo realizado por Patrick F. Fagan e Aaron Churchill sobre os efeitos do divórcio sobre as crianças mostrou que 90% das crianças permanecem apenas com a mãe depois do divórcio, dificultando o contato das crianças com o pai.
 

Afeta as atividades educativas.

Como a rotina da criança foi afetada por questões emocionais, o estudo mostra também que a separação afeta significativamente a vida estudantil das crianças. No ensino secundário, por exemplo, os filhos de casais divorciados são 26% mais propensos a abandonar o ensino médio.
 
Já no ensino fundamental, houve uma queda imediata no desempenho escolar. Estes efeitos se estendem para a vida universitária, apenas 33% dos estudantes filhos de pais separados conseguem se formar.
 
 

Amplia o custo econômico

A separação com filhos afeta a vida econômica da família, do governo e da sociedade. A renda familiar que antes era única, agora é divida entre duas famílias que terão custos com moradia e despesas gerais separadas. O pai passa a ter que pagar pensão alimentícia que, na maioria das vezes, não cobre as despesas que a mãe tem no cuidado com os filhos.
 
Além disso, as estatísticas mostram que os filhos de famílias divorciadas são mais predispostos a comportamentos delinquentes, brigas, roubos e abuso de álcool e drogas. O Estado terá que arcar com as despesas relativas à segurança e saúde para atender estes casos.
 

Prejudica a estabilidade psicológica

Com certeza o maior problema  provocado pela separação com filhos está relacionado ao psicológico das crianças. 
 
Dentre eles, podemos destacar o estresse, depressão entre outros. O estudo mostrou que o divórcio é apontado pelas crianças, em uma lista de 125 eventos, como o terceiro fator mais estressante, perdendo apenas para a morte de um dos pais ou um parente próximo.  O estudo afirma ainda que os impactos psicológicos não são passageiros e acompanham a vida adulta dos filhos.

Categorias

Fique informado!

+ Posts

Saiba quais são os tipos de ciúmes de irmão e como evitá-los
Saiba quais são os tipos de ciúmes de irmão e como evitá-los
Como identificar características da deficiência auditiva e da surdez
Como identificar características da deficiência auditiva e da surdez
Saiba como cuidar do umbigo do bebê recém-nascido
Saiba como cuidar do umbigo do bebê recém-nascido
6 dicas especiais  para grávidas de primeira viagem
6 dicas especiais para grávidas de primeira viagem
Criança estressada tem menor desempenho na escola. Entenda por que
Criança estressada tem menor desempenho na escola. Entenda por que